Obesidade em cachorros


Por Samantha Kelly

obesidade em cachorros é um dos problemas mais recorrentes entre a espécie nos dias atuais. Em um aspecto geral na saúde do animal, a obesidade diminui a qualidade de vida e impacta negativamente em sua longevidade.

Com um cão obeso, as viagens ao veterinário podem aumentar, já que o desenvolvimento de uma série de doenças é associado ao excesso de peso.

A modernidade e o estilo de vida mais sedentário fez com que a obesidade se tornasse uma tendência entre os animais de companhia. Alguns donos alimentam seus animais a mais do que o necessário como uma forma de demonstrar afeto.

Os donos pararam de notar que seus cães gordinhos, que possuem a silhueta mais “encorpada”, estão na verdade obesos. Não precisa ser extremamente gordo para enfrentar os problemas do excesso de peso.

Nesse artigo você vai descobrir as causas da obesidade, como descobrir se o seu cão está obeso e quais atitudes tomar caso o seu cão esteja obeso.

Raças de cachorro mais propensas à obesidades

Todas as raças que não se alimentam corretamente e não fazem exercícios suficientes estão suscetíveis à obesidade. Porém, há raças com uma maior disposição a ganhar peso. Conheça as raças caninas abaixo:

Raças de pequeno porte

- Dachshund

- Pug

- Cavalier King Charles Spaniel

- Cairn Terrier

- Terrier Escocês

Raças de médio porte

- Beagle

- Cocker Spaniel

- Basset Hound

Raças de grande porte

- Labrador Retriever

- Golden Retriever

- Dálmata

- Rottweiler

- Boiadeiro Bernês

Como saber se o seu cão está obeso

Pesquise qual o peso ideal para a raça do seu cachorro e compare o número com o peso atual do seu animal.

BCS – Body Condition Score (pontuação da condição corporal, tradução livre) é uma forma não invasiva de descobrir se o seu cão está obeso. O BCS mais comum é o sistema de 9 pontos, no qual 4/9 e 5/9 estão no peso ideal, 6/9 e 7/9 são considerados acima do peso e 8/9 e 9/9 são obesos, com o cachorro pesando mais de 30% de seu peso ideal.

Como os cães variam muito de tamanho, mesmo dentro de uma mesma raça, o BCS foca mais no formato do que no peso.

Para saber se o seu cachorro está acima do peso, passe as mãos, sem aplicar muita pressão, na lateral do corpo do animal, da cabeça à cauda. Em um cão saudável, você poderá facilmente sentir as costelas.

Observe o seu cão de lado, a maioria dos cães têm um perfil de abdômen mais esguio. Se tudo que você sentir enquanto apalpa o seu cão é gordura na lateral, ou se o seu perfil se assemelha ao de uma salsichinha no lugar de ser mais esguio, é possível que o seu cão esteja acima do peso.

Confira o gráfico do BCS abaixo com as diferentes condições corporais do cachorro.